Candlesticks

O Samurai de 100 trades vitoriosos

A cultura do oriente nos fascina por sua riqueza, suas tradições e sua história. A análise técnica também faz parte desse contexto, os gráficos de candles possuem mais de duzentos anos de uso e suas origens estão no Japão feudal. Nessa época, o país vivia um clima militarista, os conflitos eram tantos que os japoneses referem-se a esse período da história como Sengoku Jidai (tempo do país em guerra). Esse momento se reflete na nomenclatura de alguns padrões de candles,como counterattack lines (linhas de contra-ataque) ou three advancing white soldiers (três soldados brancos que avançam).


O Surgimento da Bolsa de Arroz


O centro comercial do Japão estabeleceu-se na cidade de Osaka. Osaka era uma cidade portuária, o que favorecia em muito o comércio em uma época na qual as viagens por terra eram demoradas e, muitas vezes, bastante perigosas. O comércio do arroz era a base da economia, sendo, efetivamente, a moeda nacional. Não é surpresa alguma, portanto, o fato de alguns mercadores de arroz terem se tornado extremamante ricos. Um desses homens era Yodoya Keian, reconhecido por sua incrível capacidade de transportar e distribuir o arroz. Seu poder cresceu de tal maneira que o primeiro local (bolsa) de comércio de arroz formou-se em seu jardim.


O Japão era extremamante segmentado em classes, e o governo militar chamado de Bakufu, acabou por ficar preocupado com a riqueza e poder dos mercadores. Yodoya teve seus bens confiscados pelo governo por viver um "estilo de vida" acima de sua condição social. Apesar da intervenção governamental, o embrião da bolsa japonesa de comércio de arroz estava lançado e o mercado que existia nos jardins de Yodoya foi, mais tarde, oficializado como bolsa de arroz Dojima (Dojima Rice Exchange).


Surge Munehisa Homma


O comércio do arroz representava a riqueza de Osaka. Fazendeiros de todo o Japão podiam mandar sacas de arroz que eram mantidas em armazéns de Osaka. Em troca, recebiam um cupom representativo do valor, oqual poderia ser vendido a qualquer momento. Começava assim, a formação de um dois primeiros mercados de futuros do mundo. Apenas na bolsa Dojima operavam cerca de 1300 traders de arroz.


Havia no Japão nesse perído uma rica família de fazendeiros de arroz, chamada Homma. Sua base de negociação era a cidade de Sakata, uma área onde o comércio de arroz também era bastanteforte. Em torno de 1750 o patriarca da família Homma morreu e o controle dos negócios passou para Munehisa Homma. Um primeiro aspecto que torna evidente as capacidades de Munehisa é o fato de que tratava-se do filho mais novo. Na forte tradição hierárquica japonesa quem deveria assumir o posto seria o filho mais velho, mas a família já conhecia os talentos de Munehisa.


Munehisa foi um verdadeiro cientista do mercado. Ele desenvolveu teorias e passou a guardar informações detalhadas (registros históricos)sobre condições de clima, preços do arroz e negociações realizadas. Para compreender a fundo a psicologia dos investidores, analizou os movimentos de preços do arroz até de negociações ocorridas na época em que os trades eram realizados no jardim deYodoya.


Não demorou muito para Munehisa passar a atuar e também dominara grande bolsa Dojima, onde acumulou uma fortuna gigantesca. Suas técnicas eram tão precisas que ele não via a necessidade de se fazer presente em Osaka. Desenvolveu um sistema de troca de informações, no qual homens eram posicionados sobre telhados de casas no caminho entre Sakata e Osaka, e através de bandeiras comunicavam as intruções de compra e venda geradas por Munehisa.


Conta a história que Munehisa conseguiu fazer cerca de 100 trades consecutivos vitoriosos. Diante de tamanho poder e conhecimento o governo contratou Homma como consultor financeiro e concedeu a ele o título de Samurai. Das teorias deste guerreiro dos mercados evoluiram as técnicas de candlestick, que hoje são utilizadas epesquisadas em todo o mundo.




O Padrão Shooting Star O Padrão Engolfo

Fique por dentro do mercado financeiro assinando nossa Newsletter.


Av. Carlos Gomes, 300, 10º andar.
Porto Alegre - RS, Brasil
(51) 3023-8272 comercial@nelogica.com.br

Carregando...